Mostrando postagens com marcador TAG. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador TAG. Mostrar todas as postagens

Tag dos 50%

julho 17, 2020
TAG


Esse ano eu tive tantas leituras maravilhosas que eu senti a necessidade de fazer a tag dos 50%, pois sei que no final do ano vou acabar sentindo uma dificuldade muito grande em selecionar somente alguns títulos como os melhores do ano.

Essa tag é muito antiga nos blogs e agora ela tem sido até migrada para o Instagram. Eu vou usar a referencia da Ana do Roendo Livros sobre a tag ser criada Chami do canal Read Like Wild Fire e traduzida pelo Victor Almeida do Geek Freak. Quem ainda não fez da tempo de fazer sim, e borá lá ver os meus favoritos:

O melhor livro que você leu até agora, em 2020

Não me Abandone Jamais foi uma das minhas melhores leituras do ano. Amei a história e a delicadeza que o autor abordou um tema que pode ser considerado até pesado.

A melhor continuação que você leu até agora, em 2020

Eu AMEI muito Os Testamentos, que é a sequencia de O Conto da Aia. Tinha ficado com receio de a autora fazer essa sequencia após duas décadas do original, mas foi uma leitura maravilhosa tanto do aspecto literario quanto pessoal.

Algum lançamento do primeiro semestre que você ainda não leu, mas quer muito

Não tem nenhum livro que eu queira MUITO ler que tenha sido lançado esse ano. Acho que o que mais me chamou a atenção foi As Outras Pessoas da C J Tudor, mas só porque eu gosto dessa autora.

O livro mais aguardado do segundo semestre

O único que eu tenho conhecimento até o momento é Sol da Meia-Noite, mas se a Seguinte anunciar a sequencia da trilogia O Ceifador com certeza esse será o meu mais aguardado.

O livro que mais te decepcionou esse ano

Me dói muito dizer, mas me decepcionei bastante com CUJO, do Stephen King. Amo o autor mas essa leitura não me caiu bem e até agora sinto o peso da ressaca literária que esse livro me deu.

O livro que mais te surpreendeu esse ano

Amor(es) Verdadeiro(s) foi uma linda surpresa, pois após todos elogiando tanto a autora eu estava com receio de acabar me decepcionando e ainda bem que não foi isso que aconteceu. Quero ler outros livros dela em breve.

Novo autor favorito (que lançou seu primeiro livro nesse semestre, ou que você conheceu recentemente)

Eu conheci Kazuo Ishiguro somente este ano e já tenho certeza que vou amar os outros livros dele.

A sua quedinha por personagem fictício mais recente

Esse ano eu ainda não me apaixonei por nenhum personagem fictício, infelizmente.

Seu personagem favorito mais recente

Me apaixonei muito por Celie de A Cor Purpura. Mulher preta que sofreu tanto, mas ainda assim não desistiu de seu maior sonho: reencontrar a irmã.

Um livro que te fez chorar nesse primeiro semestre

Não que eu tenha chorado de verdade, mas fiquei extremamente triste com as histórias relatadas em Do Que Estamos Falando Quando Falamos de Estupro.

Um livro que te deixou feliz nesse primeiro semestre

Por ser um dos livros mais leves que li esse ano Os 12 Signos de Valentina me deixou muito contente, uma história bem gostosinha de ler e fofa.

Melhor adaptação cinematográfica de um livro que você assistiu até agora, em 2020


Esse ano eu só assisti a adaptação de Pequenos Incêndios por Toda Parte, mas não é filme e sim uma série e também não cheguei a ler livro. kk

Sua resenha favorita desse primeiro semestre (escrita ou em vídeo)

Uma das minhas queridinhas é a resenha de Profissões para Mulheres e Outros Artigos Feministas.

O livro mais bonito que você comprou ou ganhou esse ano, até agora

Esse ano eu comprei O Mundo Invisível Entre Nós pois gosto da autora, mas ainda não peguei o livro para ler.

Quais livros você precisa ou quer muito ler até o final do ano?

Eu quero muito ler CAIM do José Saramago e a biografia que comprei dele; Também preciso ler os livros da trilogia Três Coroas Negras e da Angie Thomas.

📚

TAG: Bandeira LGBTQ

junho 19, 2020
TAG

Hellow! O mês de Junho é o mês mais colorido do ano, sem sombras de dúvidas e só pelo título do post é óbvio saber o motivo. Meu amigo Alisson está fazendo um especial muito bacana no blog e no instagram sobre o pride month e eu acho que todos deveriam dar uma conferida. Ele me convidou para fazer essa tag da bandeira LGBTQ e também é uma ótima oportunidade para saber o significado das cores.

Vermelho significa vida. Um personagem entusiasmado e sempre motivado


Mary não é uma personagem que sempre foi entusiasmada e motivada, entretanto com o decorrer da trama ela vai se tornando essa garota e por isso a escolhi para a cor vermelha. Mary, assim como seu primo, descobriu a vida juntos.


Laranja significa cura. Um personagem que sofre, mas, volta mais forte



Malala não é exatamente uma personagem e sim uma pessoa real e eu escolho ela para a cor laranja pois ela é um grande exemplo de pessoa que sofreu por um ideal e quase morreu por ele, mas quando se recuperou voltou muito mais forte do que seus algozes poderiam imaginar.

Amarelo significa a luz do sol. Um personagem que não tem vergonha de suas origens ou de quem ou que ele é



Lady Hollis não tem lá motivos para ter vergonha de suas origens, mas mesmo quando ela resolve tomar as redes de sua vida e que alguém ou algo poderia fazer com que ela sentisse vergonha ela ainda sente orgulho de ser quem é. Não é uma das minhas personagens favoritas, mas ela tem esse mérito. 

Verde significa a natureza. Um personagem que ame ou tenha conexão com a natureza



Alice tem grande conexão com a natureza de uma forma peculiar, ainda mais vivendo em um mundo de magia como ela vive. 

Azul significa harmonia. Um personagem que sempre desfaz conflitos e traz a paz



Kathy H é aquela personagem que nunca entrará em conflito com ninguém mesmo que aquilo significa que ela irá sofrer, da mesma forma que ela sempre tenta manter a paz no ambiente em que vive. Por isso escolho ela para a cor azul.

Violeta significa o espírito. Um personagem determinado e que nunca desiste



Celie sofreu muito durante toda a sua vida, mas nunca perdeu a esperança de reencontrar a sua irmã e um dia poder ser feliz. Acho que não existe personagem melhor para representar a cor violeta. 

E é isso! As pessoas que irei marcar para essa tag estarão no Instagram. 

TAG: Eu favoritei porque

abril 20, 2020
TAG

Para tentar tirar um pouco o foco de só resenhas, resenhas e mais resenhas por aqui hoje vou fazer uma tag. Estava no Instagram e vi essa tag no @leitoresestranhezas e super curti ela. Então bora ver minhas respostas.

❤ Eu Favorite Porque foi escrito pelo meu autor favorito
É bastante difícil escolher um favorito nessa categoria, pois todos os livros do Stephen King eu acabo favoritando de alguma forma. Mas escolhi O Instituto pela forma como o autor aborda o tema da obra com os relacionamentos de amizade e lealdade. Já tenho resenha dele aqui no blog, só clicar aqui para ler.

❤ Eu Favoritei Porque tem uma personagem mega Girl Power
Minha resposta aqui não será de uma personagem de ficção e sim da vida real. O livro escolhido é Eu sou Malala, pois adoro a Malala e acredito que não tenha garota mais girl power no momento do que ela. 

❤ Eu Favoritei Porque me emocionou de uma maneira única
O único livro que me emocionou muito, de verdade, até o momento foi Proibido. Ele tem um assunto bem polemico, mas a autora conseguiu deixar a história humanizada e faz com que fiquemos emocionadas ao ler. 

❤ Eu Favoritei Porque tem um romance dos sonhos
Ah, gente... Não consigo não amar o romance de Mil Pedaços de Você (na verdade a trilogia Firebird toda). Hoje em dia não sou uma apaixonada por romances, mas tem casais que nos pegam de um jeito né? Nesse caso é um amor que foi além das dimensões. Já tenho a resenha aqui no blog, de toda a trilogia, mas você pode ler o primeiro livro clicando aqui

❤ Eu Favoritei Porque tem o mocinho mais lindo e fofo
Ai gente... difícil escolher essa. Primeiro porque não leio muito romances e segundo que os únicos personagens que vem na minha mente são os que já falei tantas e tantas vezes aqui e dai eu fico repetitiva. Mas vou colocar Miles do livro Milhas de Distância, pois ele foi o mocinho mais humano que li no último ano, principalmente no sentido de sofrer, se foder muito, ir atrás de coisas que são importantes para ele e superar os esses mesmos problemas. 

❤ Eu Favoritei Porque é uma maravilha nacional
Vou colocar aqui um dos livros mais recentes de literatura nacional que li, Olhos d'Água da Conceição Evaristo. Gente, sério, que livro é esse? Tão real, tão Brasil, tão dolorido ler aquelas histórias. Leia minha resenha clicando aqui.

❤ Eu Favoritei Porque entendi que é um clássico
Sem sombras de dúvidas o livro que favoritei por ser um clássicos e por ser maravilhoso mesmo é Ensaio Sobre a Cegueira. O tipo de livro que fala muito sobre o ser humano, que fala muito sobre nossas atitudes, principalmente em situações de caos. O interessante é que mesmo sendo um livro de 1995 (um clássico contemporâneo) ele nos fala muito até sobre a atual pandemia que vivemos. 

❤ Eu Favoritei Porque trata de um assunto diferente do que estou habituada a ler
Bom, eu já li muitos gêneros que hoje em dia não leio e hoje em dia leio muitos gêneros que não lia antigamente e no meio de tudo isso o que eu não tenho costume de ler são os quadrinhos/graphic novls; Por isso que aqui eu escolho Lady Killer. Li em uma tarde ociosa e curti bastante a história da dona de casa que também é assassina de aluguel. 

Uma TAG sem nome

dezembro 17, 2019
TAG

Hey, hey! Faz muuuuito tempo que eu não respondo uma tag aqui, então aproveita uma tag salva no instagram (vi no @luzcantoelivros) para fazer aqui. Lá não colocaram título na TAG e nem créditos, então infelizmente não tenho como saber isso.

📚

Uma protagonista forte



Alicia Berenson foi para mim uma grande surpresa neste ano. O livro é dividido em passado e presente e mesmo no presente ela não falar, por livre e espontânea vontade, a mulher ainda passa uma energia ao leitor que só me fazia gritar HINO DE PROTAGONISTA.

Um romance envolvente



Ao procurar uma resposta para essa parte da TAG percebi que tenho lido pouquíssimos romances nos últimos meses e, por um lado é bom mudar de ares, mas por outro os que eu li não me impactaram tanto. Acabei escolhendo esse pois gosto como tudo acontece com os protagonistas, mesmo que não seja um relacionamento perfeito, ainda assim foi um livro que me prendeu demais após algumas páginas.

Um shipper que derrete seu coração



Eu não posso negar que sou team Lara Jean e Petter Kavinsky desde 2015.

Um Thriller de arrepiar



Sinceramente, se você ainda não leu C J Tudor está perdendo tempo. A mulher sabe criar uma história envolvente, que te faz sentir como parte do enredo. O Homem de Giz ficou na minha cabeça por um tempo.

Um vilão que da ódio



Este livro é incrível, demais! Só que pensa numa vilã, que também é a protagonista, que passa o livro inteiro te dando nos nervos pelas coisas que ela faz? Claro que isso deixa o livro maravilhoso, mas convenhamos que o ódio é maior.

Crush perfeito



Warner sempre será o meu maior crush literário, pois faz parte de uma saga que eu amo demais além de ser o livro que me fez voltar a ler depois de alguns anos parada lá em meados de 2013. 

Triangulo Amoroso


Foto: pinterest
Essa trilogia é linda, sério, se você não leu vá ler o quanto antes. Eu não sou fã de triangulo amoroso, mas aqui ele funciona de uma maneira muito boa. Claro que há altos e baixos, e que o triangulo não dura para sempre, mas enquanto há um pequeno foco nisso é algo que me surpreendeu por eu ter gostado. 

Personagem confusa



Essa personagem passou por tanta coisa que é compreensível ela ter suas duvidas a respeito de tudo. Gosto muito dela, mas até tudo se encaixar em sua cabecinha leva um booom tempo.

Um personagem que queria ter como amiga




Olho para essa personagem e penso: 0 defeitos. Ela passa por várias coisas de adolescentes, mas de uma forma que eu nunca pude ver pessoalmente por não conhecer ninguém que seja assexual. Além de ser engraçada e talentosa, com um canal do ytube fazendo mini série de Anna Karienina??? Maravilhosa demais. 

Tag da discórdia

agosto 29, 2018
TAG

Além de fazer um tempo que eu não postava de forma empolgada nesse bloguinha também faz um tempo que não posto uma TAG. E ai vi no twitter a Ana Clara do Roendo Livros compartilhando o post dela e fiquei empolgada com esse tema e resolvi fazer também. :3

TAG: Tudo menos livros

janeiro 29, 2018
TAG
google imagens
Alô vocês! Faz muito tempo que não faço uma tag e como tô fraca nas leituras chegou o momento, npe?! ;)

Hoje a tag é Tudo Menos Livros e quem me passou foi a Eiras do Perdida na Biblioteca e achei a ideia legal, então vai ela mesmo.


Qual sua música favorita no momento?
Faz alguns meses (tipo uns dois) que eu estou viciada na música Feel Nothing da banda The Plot in You. Na época ela fazia mais sentido para mim, mas agora é só porque eu realmente acho a música muito boa.

Qual seu desenho animado favorito?
Eu só assistia desenho quando era criança e tinha alguns que eu gostava muito, como O Pequeno Urso e O Fantástico Mundo de Bobby, mas hoje em dia não tem nenhum que eu realmente assista com exceção de F is for Family da Netflix (que na verdade nem é tão bom).


O que você faz no seu tempo livre?
Antes eu lia bastante e tinha muuuito tempo livre. Hoje em dia no meu tempo livre eu fico com meu boy e vejo alguma série ou filme.

Fale algo que as pessoas vão se surpreender.
A Terra não é plana.

Qual a coisa desnecessariamente específica que você gostaria de saber fazer?
Eu sou a louca do gostaria de saber fazer, sabe? Gostaria de saber cozinhar, costurar, e trabalhos mecânicos (automóveis). Provavelmente tem mais um milhão de coisas.

Qual coisa bizarra ou secreta você sabe fazer? 
Eu sei cantar uns funk ai mas finjo que não sei porque sou headbanger.

Conte uma coisa que você fez ou criou no passado.
Eita, eu não consigo pensar em nada para responder essa questão.

Qual o seu projeto pessoal mais recente?
Eu estou numa pira para fazer fotos de livros para postar no Instagram, mas obviamente esta flopando porque a fotografa aqui tem preguiça de montar cenário para os livros.

Diga algo que você pensa com frequência.
Comida, obviamente.

Diga uma coisa favorita sua que seja muito específica.
Eu gosto de dormir no escuro, tipo muuuito escuro mesmo e geralmente se tem uma luzinha no ambiente eu acabo tendo uma péssima noite de sono.

Qual a primeira coisa que vem a sua mente?



Aaaaah, então foi isso! Um post aleatório que a gente curte.

Tag: The Guilty Reader

novembro 17, 2017
TAG
Oi, oi! Hoje vou fazer a tag Guilty Reader. Não sei quem criou, e pelo titulo ela não é br e então além de saber quem criou eu também não sei quem traduziu. Quem me falou dessa tag foi a Eiras do canal Perdida na Biblioteca.

Você já deu de presente um livro que ganhou de presente?
Não! Deselegante ahuehuaoheia

Você já disse que leu um livro que não leu?
Ai meu deus! Sim. A Menina da Neve. Comecei a ler mas não gostei nadinha dele e acabei abandonando, mas disse que li sim.

Você já pegou um livro emprestado e não devolveu?
Não que eu me lembre.

Você já leu uma série fora de ordem?
Não, gente! Como fazer isso? Eu sou virginiana, tem que ser tudo nos conformes senão eu surto.

Você já deu spoiler de um livro a alguém?
Com certeza eu já devo ter feito isso, mas não vou me lembrar o livro e nem a pessoa.

Você já marcou um livro (dobrou a página ou marcou o texto)?
Sim! Eu não tenho vergonha de admitir isso. Minha trilogia Estilhaça-Me, inclusive, é inteira marcada com caneta, paginas dobradas e post-its. 

Alguma vez você disse a alguém que não tinha um livro que na verdade tinha?
Não.

Alguma vez você disse que não tinha lido um livro que na verdade tinha?Não. Eu não tenho vergonha dos livros que li, até se for Crepúsculo eu tô falando que já li.

Você já pulou capítulos e seções de um livro?
Não. Se for o caso eu simplesmente abandono o livro mesmo.

Você já falou mal de um livro que na verdade gostou?
Não.

Aparentemente eu não passei vergonha com essa tag (ou só um pouco, né).



 
Copyright © @kzmirobooks. Designed by OddThemes