Resenha: As Outras Pessoas

Livro As Outras Pessoas

Eu já me assumi fã de C. J. Tudor desde a primeira vez que li uma obra(O Homem de Giz), então quando vi esse livro lá no Intrínsecos já fiquei com bastante vontade de ler, claramente logo que foi lançado tive que comprar e como meta para Outubro encaixei essa leitura. Só tenho a agradecer, pois acho que eu precisava de uma obra assim para tentar sair da minha ressaca literária (que eu culpo a faculdade).

Em modo gerais acho que a especialidade dela é colocar alguma pessoa (ou coisa) desaparecida em seus livros e por mais que possa parecer batido para nós que gostamos de ler livros de suspense e thrillers (e até mesmo os livros dela), ainda assim houveram algumas surpresas ao longo da história. Gabe é um homem ausente com sua família, por mais que a ame, por causa do trabalho e um segredo mantêa, sua esposa lhe cobra isso sempre e um dia que ele tenta chegar em casa mais cedo para passar um tempo com elas acaba vendo a sua filha pedindo por socorro em um carro velho na rodovia, então ao chegar em casa descobre que sua família está morta. Isso é só o primeiro capítulo, então não tem spoilers aqui.

A imagem da garota pedindo por socorro ficou em sua mente e ele acaba decidido a procurar por sua filha, naquela mesma rodovia, vagando ali anos e anos na esperança de encontrar aquele carro. Claro que ele se torna um homem amargo, com problemas psicológicos, e o sentimento de culpa pelo que houve, entretanto ele é um personagem que me cativou, talvez por todo o desenvolvimento que ele teve na trama que só me fizeram ter empatia com sua perda e incansável busca.

Todos somos capazes de praticar o bem e o mal. Poucos mostramos nossas verdadeira face para o mundo. Por medo de que o mundo a veja e comece a gritar.

O livro é narrado em terceira pessoa, portanto outros personagens importantes nos são apresentados para complementar a história e no meio do caminho conhecemos duas irmãos que perderam o pai em um assalto há alguns anos. Isso destruiu a família e acabou fazendo com que uma fugisse e passasse a viver de forma paranoica com medo de ser encontrada. Essas histórias acabam se conectando e gosto como a autora fez essa conexão, tão sutil e tão importante.

As Outras Pessoas é um livro sobre perda, mas que vai acabar atiçando a curiosidade dos leitores para o desconhecido que envolve esse título, vai brincar com o maior submundo da internet da pior forma, afinal todos temos medo de perder alguém, todos em algum momento já desejamos vingança por alguma coisa que nos aconteceu e esse livro mostra até onde alguém pode ir para conseguir essa vingança.

Uma das únicas coisas que não me agradou foi o desejo da autora de colocar algo sobrenatural na obra. Eu amo livros que mexem com o ser humano e o pior que ele pode ser, mas acho que isso não combina com algumas coisas sobrenaturais que podem ficar desconexas na história e assim como aconteceu com O Que Aconteceu com Annie eu senti que aconteceu aqui também. Nada que me faça odiar o livro, só me deixa um pouco incomodada mesmo.

📚

Título: As Outras Pessoas (The Other People) • Autora: C. J. Tudor
Editora: Intrínseca • Tradução: Giu Alonso


Postar um comentário

2 Comentários

  1. As vezes, só mexer com o ser humano chega a ser mexer com o sobrenatural rs
    Eu ainda não li nenhum dos livros da Tudor, mas morro de vontade. Todos os livros dela são sempre muito elogiados.
    E este é um dos mais recentes que preciso tomar vergonha na fuça e ler!!1
    Ah,adorei te ver por aqui de novo rs
    Beijo

    Angela Cunha/O Vazio na Flor

    ResponderExcluir
  2. ola
    não tinha lido nenhuma resenha desse livro .Tem uma premissa intrigante
    que destino tem essa familia hein ? sem duvida que quero ler .pois esse é um genero que gosto .
    bjs

    ResponderExcluir