Faça uma Maratona: Gilmore Girls



Gilmore Girls é uma série que foi exibida na CW (na época era WB) e narra o relacionamento de mãe e filha. Eu conheci a série quando passava o SBT há uns anos atrás e resolvi assistir a todos os episódios (em ordem correta) agora recentemente. Como estou gostando bastante quero conversar um pouco sobre ela com vocês.

Essa é uma série essencialmente divertida, que após umas horas de estudos e trabalho irá te relaxar e somente. Eu não tenho nenhuma reflexão social assistindo essa série e culturalmente, para ser honesta, ela não me acrescenta nada. Vejo por ai muitas pessoas falando sobre os livros que são citados nessa série e, de fato, são vários (principalmente clássicos) mas eles não acrescentam em nada para quem assiste (só se você resolver ler esses livros posteriormente). Não estou falando isso como uma critica a série, até porque se eu quisesse assistir algo que fosse acrescentar alguma coisa eu iria assistir alguma coisa "cult", né? Mas a série é bastante divertida e os episódios passam sem que eu perceba.

Gosto bastante da ideia de Lorelai ter sido mãe ainda adolescente e ter feito ela amadurecer com isso, não ser totalmente dependente de seus pais (que são ricos). Mesmo sem a ajuda deles ela conseguiu cuidar bem de sua filha Rory e ainda criar uma menina super educada e estudiosa. Apesar de Lorelai ser muito engraçada eu particularmente odeio seu jeito egoísta, pois isso faz com que ela sempre pense apenas em si antes de pensar nos outros e, por exemplo com a filha, faz com que ela julgue as decisões que a garota toma. Pode ser o papel dela como mãe, mas como é um comportamento que ela tem com todos então é algo bem chatinho mesmo.

Rory é uma jovem super inteligente e muito fofa, mas com a necessidade que os criadores de criar uma menina inocente acabaram exagerando na dose. Particularmente eu sinto raiva eu vê-la na faculdade e não sair com os amigos, não ir a um bar, nem se quer ficar bêbada um pouco. Não que ela tenha que fazer isso para ser uma personagem legal, mas bastante problemático ao meu ponto de vista uma personagem e/ou jovem ideal ser assim, e sua mãe ser considerada rebelde só porque engravidou na adolescência.

Dito isso a série vale muito a pena sim, pois gosto dos conflitos familiares entre os Gilmore e dou algumas risadas com Emily tentando fazer as coisas para se aproximar de Lorelai e Rory, mesmo que seja do jeitão de gente branca e rica dela. Outra coisa que me diverte muito na série são todos os momentos de Lane, a melhor amiga de Rory, que tem descendência coreana e precisa lidar com sua mãe super religiosa, enquanto ela tenta tocar em uma banda de rock e ter a liberdade para namorar alguém.

Em 2017 a Netflix fez um especial com o retorno dos personagens da série e eu quero terminar para ver o que aconteceu com essas pessoas após 10 anos do fim da série. Todas as temporadas estão disponíveis na Netflix.

Share this:

Postar um comentário



 
Copyright © @kzmirobooks. Designed by OddThemes