Resenha: Stepsister — A História Da Meia Irmã Da Cinderella



Outubro, para mim, foi o mês das leituras relacionadas a Disney, enquanto todos estavam na pegada de halloween eu estava neste mundo encantado. Neste clima que participei da Leitura Coletiva promovida pela Universo dos Livros que foi organizada pela Glaucia do blog Mais que Livros e por mim, usando o Blogueiras Cansadas. Conversamos sobre o livro e a unanimidade é que: ele merece uma adaptação. Não é para menos, com situações que ficariam engraçadas na tela, e outras que dariam aquela emoção que só quem assiste filme no cinema sabe, o livro nos faz entrar em um outro lado da história da Cinderela que, nunca, poderíamos (e nem tentamos) imaginar: O que aconteceu com sua madrasta e suas duas meia-irmãs?

O livro é narrado em terceira pessoa e foca em Isabelle, mesmo que Tavi (a outra meia-irmã) também seja uma personagem importante para o desenvolvimento da obra. Isabelle sente mal pelo que fez para Ella durante anos, todas as maldades, as vezes que a tratou mal e a desprezou, mas ao mesmo tempo sempre teve o desejo de ser como ela. Sim, Isabelle tem inveja da beleza de Ella e de toda a sua bondade sem fim e isso a corrói muito. Apesar de parecer que ela seja mesquinha e malvada por natureza eu já adianto que isso de longe é uma característica da Isabelle. Não vou contar quais são as suas qualidades aqui, pois para descobrir você vai ter que ler (e descobrir junto com ela), mas a menina é um ser humano com seus defeitos e qualidades, assim como todos nós, mas que acredita que a única coisa que deixa uma pessoa ser bela é a beleza física. Com essa crença ela consegue atrair a mesma fada madrinha que apareceu para Ella no dia do baile e fez o desejo de ser bela e então a fada a desafia a encontrar os pedaços perdidos de seu coração. Quais são esses pedaços?

Uma obra cheia de descobertas pessoais que nos ensina o poder da amizade, aquele amor que temos por nossos amigos e o poder que eles tem de nos mudar para o bem, por sempre abrir nossos olhos para coisas que não queremos enxergar, que estavam ali o tempo inteiro. Tavi, a irmã de Isabelle, é uma garota incrível, super inteligente e talentosa, que era obrigada a fazer coisas de "menina" para conquistar um marido ideal. Hugo, um garoto que viveu a vida inteira a margem do tratamento de sua mãe, sonha em casar com Odette, uma moça cega que tem como única caracteristica ser cega, já que a sociedade não tem capacidade de ver tudo o que ela realmente é.

Deu para perceber que o livro tem personagens secundários marcantes, certo? Não citarei todos aqui, pois alguns tem plot próprio e que dão uma emoção para a história. Quando eu falo emoção eu me refiro ao livro ir para aquela pegada de ação, sabe? Onde as coisas precisam acontecer mais rapido pois caso não tenha esse andamento tudo pode dar errado. Eu amo isso em livros e nesta obra funcionou muito bem. Tudo que eu não queria é um livro onde a personagem só ficava se lamentando pelos cantos e Isabelle nunca fez isso, pois a cada pequeno arco ela estava indo atrás de algo, planejando algo, ou fazendo algo e geralmente eram coisas que deixam nós, leitores, segurando o livro com força e pensando "minha filha, vai que é tua". E eu aviso desde já que se você esta procurando um romance, daqueles meloso, pode ir passando longe de Stepsister. O livro nos mostra que romance é a última coisa que uma protagonista precisa para ser feliz, o livro nos mostra que romance é a última coisa que nós, mulheres, precisamos para ser feliz.

Stepsister não é um livro oficial da Disney, mas já conquistou muitas fãs que estão loucas para uma adaptação. No grupo da LC, pelo menos todas pediram e eu não posso discordar de que o livro ficaria maravilhoso no cinema. O fato é que os direitos já foram comprados e agora nos resta aguardar esse filme sair sair do papel.

Título: Stepsister: A História Da Meia Irmã Da Cinderella  • Autora: Jennifer Donnelly
Editora: Universo dos Livros • Tradução: Michelle Gimenes
Livro cedido em parceria com a editora

Share this:

14 comentários :

  1. Oi Sil,
    a resenha me conquistou no "atraiu a fada madrinha", eu sou completamente louco por contos de fadas, você deve saber disso, eu sou muito Disney fã e aff releituras são tudo para mim! Só não participei da LC porque meu tablet quebrou e não suporto ler no telefone me incomoda demais, mas sem dúvidas assim que tiver oportunidade que vou ler esse livro, no fim das contas todo mundo tem defeitos não é mesmo? E todo mundo merece uma chance de redenção.

    Beijos!
    Eita Já Li

    ResponderExcluir
  2. Eu confesso que não é uma leitura que me chame a atenção eu tive a oportunidade de fazer a leitura mas não é meu gênero. Mas tenho uma amiga que ficou vidrada em cada detalhe e isso é muito legal.
    Parabéns pela resenha.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  3. Olá! Também fiquei fora dos temaa de halloween! Fiquei no romance e na literatura infantojuvenil. Mas vejo que você encontrou uma leitura bem interessante. Parece uma história ativa onde os personagens não ficam parados esperando o resultado cair do céu! Quero conhecer um pouco mais a Isabelle e também sua irmã! Achei bacana a característica que você falou da personagem não ficar se lamentando!

    Uma linda resenha e com certeza uma boa indicação!

    Até breve!

    ResponderExcluir
  4. Este livro tem dado o que falar. Não somente pela capa maravilhosa,mas também pelo enredo que traz o tipo de personagem real,com problemas reais de uma pessoa real.
    Também dei uma escapada do terror em outubro e não vejo a hora de ler este lançamento!!!!!
    Beijo

    Rubro Rosa/O Vazio na flor

    ResponderExcluir
  5. Oiieeee

    Eu não pretendia ler esse livro, pois já estava um pouco saturada de retellings, mas os elogios são tantos e parece ser um livro diferente e tão bem escrito que ja começo a me animar em ler também. Vou anotar a dica pra conferir assim que possivel, quem sabe nas férias...

    Beijos

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Eu nunca tinha ouvido falar desse livro até então e estou morrendo por isso, porque eu amei a premissa, amei sua resenha e já estou louca para ler, conhecer essa história e já quero a adaptação também, mesmo sem ter lido ainda. Dica super anotada!

    ResponderExcluir
  7. Gostei bastante da ideia de escrever um livro focando em persongens secundários e até mesmo considerados antagonistas dos contos de fadas.
    Beijos
    Mari
    Pequenos Retalhos

    ResponderExcluir
  8. Eu sou apaixonada pelo universo de contos de fadas e estou ficando ainda mais curiosa com os livros publicados da editora nesse universo. espero poder ler em breve! adorei saber suas considerações.

    ResponderExcluir
  9. Acredito que essa é a primeira resenha que leio deste livro e já fiquei totalmente impactada e apaixonada. Ainda não tive oportunidade de ler, mas tudo que você citou me instigou muito a isso. O fato de não ser da Disney, mas isso, sem dúvidas, conquista ainda mais para saber o desfecho da irmã de Cinderela. Quero "para ontem" esse livro <3

    Beijos,
    Blog PS Amo Leitura

    ResponderExcluir
  10. Fiz parte do time que se dedicou ao Halloween no mês de outubro hahaha
    Mas agora estou lendo coisas mais levez para me distrair e UAU gostei dessa premissa, hein?
    E só pela sua resenha, imaginando as cenas, já gostei da ideia da adaptação. Preciso ler <3

    Sai da Minha Lente

    ResponderExcluir
  11. Oi, tudo bem? É tão bom participar de leitura coletiva. Em novembro nosso grupo está lendo Orgulho e Preconceito, bem legal pode trocar ideias com pessoas que gostam das mesmas obras que nós. Quanto ao livro já tinha visto algumas leitores comentando sobre e achei a proposta bem legal ainda mais por mostrar o que aconteceu com outros personagens. Fiquei curiosa para saber mais. Um abraço, Érika =^.^=

    ResponderExcluir
  12. Eu vi esse título na Amazon e fiquei pensando se era bom, se seria tratado como romance também e achei super bacana o fato de ser um modo de fazer com que Isabelle realmente pensasse sobre as coisas que fez e sobre o que ela achava que era verdade universal em relação à beleza.
    bjos
    Lucy - Por essas páginas

    ResponderExcluir
  13. 'O que aconteceu com sua madrasta e suas duas meia-irmãs?' excelente pergunta, confesso que fiquei bastante curiosa, mesmo focando mais em uma personagem, achei a proposta ótima e mesmo sem ler, gostaria de ver uma adaptação para o cinema.

    ResponderExcluir
  14. Olá, tudo bem? Adoro livros com várias descobertas pessoais, e esse parece ser o caso. Não sabia que haviam comprado os direitos do livro, por isso estou curiosa com essa adaptação. Esse livro parece uma caixinha de surpresa, o qual adoro. Dica anotada!
    Beijos,
    http://diariasleituras.blogspot.com/

    ResponderExcluir



 
Copyright © @kzmirobooks. Designed by OddThemes