Resenha: Outsider

Como trabalhar numa livraria e resistir quando chega um King novo por la? A resposta certa é: não dá. Claro que que quando recebemos esse lançamentão por lá eu tive que dar meus pulos para conseguir ler e digo com propriedade que assim que peguei esse livro foi impossível parar. Admito que dei uma enrolada porque estava amando tanto a história que queria que ela durasse o máximo possível.

Li poucos King na vida então não posso falar muito sobre esse livro ser diferente ou não das outras obras, mas pelo que conheço de algumas eu acredito que tem elementos diferentes. O que mais gostei em Outsider, por exemplo, foi a dose de horror que ele usou... Nada exagerado, mas fazendo que o leitor se sinta naquele ambiente com as mesmas sensações dos personagens, que de modo geral era medo, agonia e até desespero. E claro que gostei da forma como ele conduziu a história. Quando você começa a ler não parece um livro de terror ou horror e sim um livro de investigação policial (e confesso que eu não sou muito fã desses livros) e do nada (eu juro que eu não estava esperando) ele coloca um plot twist antes mesmo da metade do livro. Claro que depois disso a leitura fica mais frenética porque a vontade de saber quem é o tal assassino é enorme.


Claro que sendo um livro do King você pode esperar algo bizarro no meio e isso, inclusive, foi motivo de conversa com uma outra colega blogueirinha. A forma como ele termina a história, de um jeito meio bobo até acaba causando uma impressão estranha em alguns leitores. Ela, super fã de King, achou que ele poderia ter feito mais, eu que já me decepcionei com outros finais dele pensei ah tá bom, bacana auehaoehauehi e acho que isso é uma das graças desse livro.

Independente de qualquer coisa é uma história maravilhosa, com referencias de outros autores e cultura pop e claro que sendo Stephen King sempre é uma ótima leitura. Seja para ficar com medo ou não (juro que até sonhei com a criatura da capa do livro).

Postar um comentário

8 Comentários

  1. Ainda não conhecia este livro do King, e como super fã da escrita do autor já estou louca para ler.
    Achei bem legal essa trama que ele abordou, envolve um assunto muito comum hoje em dia.
    King é sempre um mestre na arte da escrita.

    beijinhos
    She is a Bookaholic

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bem?

    Eu comprei esse livro assim que a Suma lançou, mas ainda não tive tempo de ler. Gostei muito da sua resenha, simples e objetiva, também achei bem interessante a trama.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  3. Oi! Estou em choque com esse livro. Como SK consegue criar novas histórias tão cruéis e ao mesmo assustadoramente envolventes, é o que veio me perguntando desde meu primeiro contato com ele, quando eu tinha só 12 anos, e nunca mais parou. Este livro tem uma mistura de fatores que qualquer leitor de terror e suspense espera: a dose de medo do desconhecido, e as possibilidades medonhas que existem a cada virada de página. Se eu quero ler? Imagina! ♥

    Bjoxx ~ www.stalker-literaria.com

    ResponderExcluir
  4. Os livros dele são mesmos cheios de emoções e surpresas, ainda não li Outsider, mas me parece mais uma obra prima desse autor que nos impressiona sempre. Fiquei curioso pelo final, muitos criticaram enquanto outros elogiaram, essa discrepância é demais hehe
    Abraços! 😊

    ResponderExcluir
  5. Oie amore,

    Não li nada do SK mas sempre que vejo uma resenha dele me coço pra ler algo.
    Esse ainda não conhecia mas gostei do que vi por aqui e anotei a dica!
    Beijokas!
    www.facesdeumacapa.com.br

    ResponderExcluir
  6. Ah desde que ele postou a sinopse no site dele que já fiquei ansiosa pra ler, eu sou fã de King desde a adolescência, tenho certeza que vou amar tanto qto vc.
    Parabéns pela resenha, bjs.

    ResponderExcluir
  7. Há uns meses atrás, vi várias postagens falando sobre a expectativa do lançamento desse livro aqui no Brasil. Já li pelo menos uns 6 livros desse autor (não sei se é muito), mas confesso que só gostei de dois desses. Por se tratar de um livro de Horror, acho que Outsider deve ser mesmo bem legal, mas no quesito Terror, o King deixa muito a desejar...

    ResponderExcluir
  8. Essa edição está tão linda!!! Os livros que eu mais gosto do King são aqueles que o terror é tão real que poderia acontecer na vida real. Só tenho um problema com o King, a maioria dos finais dos livros dele me deixam levemente frustrada...kkkk
    Parabéns pela resenha!

    ResponderExcluir